CUIABÁ

AGRO

Circuito Estadual de Tênis realiza etapa em Sinop

Publicados

AGRO

A 3ª etapa do Circuito Estadual de Tênis de Mato Grosso, chamada Torneio de Tênis do Agronegócio, começará nesta quinta-feira (25) e seguirá até domingo (28), na Academia Sinop Tênis, em Sinop (MT).

Essa etapa terá R$ 20.000,00 de premiação em dinheiro e contará com a participação de vários tenistas profissionais, de uma categoria especial, como Gustavo Junqueira, Luiz Brito, Fabrício Neis, Nicolas Santos e Daniel Silva. 

Os atletas são profissionais e amadores e de várias cidades do estado como Sinop, Sorriso, Alta Floresta, Nova Mutum, Cuiabá Lucas Do rio Verde Quirinópolis e Colíder.

Para o Diretor do torneio Robson Lauschner (Pequeno), “Esse é um evento de muita importância tanto para a cidade quanto para o estado de Mato Grosso, é a oportunidade de tanto a população participar de um esporte alternativo, quanto para o atleta mostrar seu talento”, pontua Pequeno.

Robson Lauschner, conta que o evento é para toda a família com entrada franca, ele ressalta que terá na competição, profissionais, professores, e categorias de classes que são masculino, feminino e juvenil.

Leia Também:  MT é só o 19º colocado no ranking de vacinação contra a COVID-19

O Circuito Estadual de Tênis, que é uma das duas competições promovidas pela Federação Mato-grossense de Tênis (FMTT), e em parceria com as academias e clubes, realizará o total de 16 etapas/torneios em sete cidades-sede neste ano de 2019.

Local do Torneio

A Academia Sinop Tênis está sediada na avenida André Antônio Maggi, n°3715, no loteamento Village, próximo da rotatória com avenidas Bruno Martini e Dom Henrique Froehlich. Tem uma área de 9.050 m², com seis quadras de saibro, lanchonete, espaço para milkshake e açaí, fisioterapeuta e estética, academia funcional e, exclusivamente para o torneio, uma tenda com espetinhos e pastéis. Há espaço para estacionamento e mais informações pelo fone: (66) 3532-1504.

Fonte: Da Redação

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

AGRO

MT aumenta área plantada de soja, mas deve produzir menos

Por fim, a produção total para a próxima colheita ficou projetada em 39,48 milhões de toneladas para o estado.

Publicados

em

Sobre a produtividade, a estimativa foi estipulada em 58,62 saca/hectare, menos que 2021. FOTO - Exame/Alexis Prappas

A área aguardada de soja para a próxima temporada no estado de Mato Grosso (safra 2022/23) ficou projetada em 11,13 milhões de hectares, incremento de 2,55% em relação à safra 2021/22.

A ampliação inicial está pautada pela valorização do preço da oleaginosa, demanda aquecida e o momento de preços favoráveis dos subprodutos da soja, o que motivou alguns produtores a fazerem a conversão de áreas de pastagens para agricultura, principalmente em regiões onde a pecuária predomina — Nordeste, Noroeste e Norte.

A informação foi divulgada, nos últimos dias, pelo Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (IMEA), no boletim semanal da soja. Sobre a produtividade, a estimativa foi estipulada em 58,62 saca/hectare, o que representa 1,26% abaixo em relação ao rendimento da safra 2021/22.

Apesar do recuo na estimativa, neste primeiro momento as projeções ficam limitadas,
devido a alguns pontos que podem impactar no decorrer da safra, como: condições climáticas e incertezas de investimento devido ao alto custo de produção.

Por fim, a produção total ficou projetada em 39,48 milhões de toneladas para o estado.

COMENTE ABAIXO:

Leia Também:  MT é só o 19º colocado no ranking de vacinação contra a COVID-19
Continue lendo

POLÍCIA

BRASIL E MUNDO

AGRO E ECONOMIA

FAMOSOS

MAIS LIDAS DA SEMANA