CUIABÁ

AGRO

Em Rondonópolis, Festival Braseiro irá reverter lucro para onze instituições filantrópicas

Publicados

AGRO

Onze projetos de instituições filantrópicas serão beneficiados com doações dos lucros obtidos na quinta edição do Festival Braseiro. Considerado o maior festival de carnes nobres do país, o evento – que acontece em Rondonópolis [a 240 km de Cuiabá], no próximo dia 8 de setembro – terá 100% de seu lucro revertido para ações sociais.

Conforme destaca o presidente da Associação Braseiro, Marco Túlio Duarte Soares, que é idealizador do evento junto com um grupo de amigos que atua em favor da carne e de obras sociais, o festival traz em seus pilares um cunho social. “O evento nasceu em Rondonópolis para ajudar uma casa de apoio. Um objetivo que ganha força a cada festival. Em sua quinta edição, não será diferente. Inclusive, todos os churrasqueiros trabalham voluntariamente”, reforça.

Entre as instituições filantrópicas que serão contempladas nesta edição está a Associação Rondonopolitana de Deficientes Visuais; Santa Casa de Misericórdia; Lar dos Idosos; Corpo de Bombeiros; Lar Cristão; Casa Laura Vicunha; Centro de Reabilitação Louis Braille; Apae (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais); Apor (Associação dos Pacientes Oncológicos de Rondonópolis); Catedral Santa Cruz; e Casa de Apoio Amor em Ação.

Vale destacar que, em sua quarta edição, o Festival Braseiro beneficiou cinco instituições filantrópicas com a doação do lucro obtido no evento – R$111.309,91, valor revertido proporcionalmente aos projetos encaminhados pelas entidades.

FESTIVAL BRASEIRO – No dia 8 de setembro, mais de 250 churrasqueiros irão se mobilizar para comandar 41 estações de preparo de carnes especiais e assar cerca de quatro toneladas de cortes de bovino, suíno, aves, peixe e cordeiro em harmonia perfeita com o clima de fazenda propício para confraternizações ao ar livre.

Realizado pela Associação Braseiro, a 5ª edição do evento ainda contará com shows da banda nacional Texas Radio, da dupla Paulo Mafra e Thulio Viola e do grupo Henrique Maluf & Cerrado Groove.

Os ingressos podem ser adquiridos nas Casas de Carne Celeiro e no Escritório Celeiro, em Rondonópolis. Enquanto que, em Cuiabá, as entradas estão disponibilizadas para compra na Distribuidora Celeiro (dentro do Parque de Exposições da Acrimat) e nos pontos de venda da Casa de Festas (Goiabeiras Shopping e Pantanal Shopping). Pela internet, é possível adquirir o ingresso por meio do site da Tech Tickets (http://www.techtickets.com.br/festivalbraseiro).

O valor referente ao primeiro lote de entradas promocionais, com unidades limitadas, custa R$ 210 para adultos e R$ 105 para crianças entre 10 e 13 anos, sendo que abaixo desta idade não paga. Vale destacar que o Festival Braseiro será realizado, a partir das 12h, no Clube dos Funcionários da Fundação MT, que está localizado ao lado do Horto Florestal, na Vila Goulart, em Rondonópolis (MT). Mais informações pela fan page https://pt-br.facebook.com/festivalbraseiro/

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

AGRO

MT aumenta área plantada de soja, mas deve produzir menos

Por fim, a produção total para a próxima colheita ficou projetada em 39,48 milhões de toneladas para o estado.

Publicados

em

Sobre a produtividade, a estimativa foi estipulada em 58,62 saca/hectare, menos que 2021. FOTO - Exame/Alexis Prappas

A área aguardada de soja para a próxima temporada no estado de Mato Grosso (safra 2022/23) ficou projetada em 11,13 milhões de hectares, incremento de 2,55% em relação à safra 2021/22.

A ampliação inicial está pautada pela valorização do preço da oleaginosa, demanda aquecida e o momento de preços favoráveis dos subprodutos da soja, o que motivou alguns produtores a fazerem a conversão de áreas de pastagens para agricultura, principalmente em regiões onde a pecuária predomina — Nordeste, Noroeste e Norte.

A informação foi divulgada, nos últimos dias, pelo Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (IMEA), no boletim semanal da soja. Sobre a produtividade, a estimativa foi estipulada em 58,62 saca/hectare, o que representa 1,26% abaixo em relação ao rendimento da safra 2021/22.

Apesar do recuo na estimativa, neste primeiro momento as projeções ficam limitadas,
devido a alguns pontos que podem impactar no decorrer da safra, como: condições climáticas e incertezas de investimento devido ao alto custo de produção.

Por fim, a produção total ficou projetada em 39,48 milhões de toneladas para o estado.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍCIA

BRASIL E MUNDO

AGRO E ECONOMIA

FAMOSOS

MAIS LIDAS DA SEMANA