CUIABÁ

CONSCIENTIZAÇÃO OUSADA

Cuiabá leva prêmio nacional por campanha marcante na pandemia

A produção mostra pessoas se afogando, em alusão e em tom de alerta sobre os riscos de casos graves da COVID-19

Publicados

COTIDIANO

A produção correlacionava a falta de ar causada pela COVID com a falta de oxigênio de quem está morrendo afogado, citando a taxa de sobrevivência de apenas 20% em casos de entubação
Responsável pela criação de marketing e  peças publicitárias, a Secretaria de Comunicação, da Prefeitura de Cuiabá, foi premiada no ‘FestVídeo 2022’, com uma impactante peça sobre medidas de biossegurança contra a Covid19.

O evento foi realizado  no Theatro Pedro II, em Ribeirão Preto, São Paulo, nesta semana. A premiação recebida pela capital abrange a categoria “Filme Capital”, sendo classificada como ‘Filme Prata”.

O vídeo apresentou uma estatística alertando sobre a gravidade da doença, e citava, que de cada dez pessoas intubadas com o coronavírus, apenas duas se salvaram. As imagens retrataram o desespero de dez pessoas lutando por oxigênio em um ambiente submerso (remetendo à falta de ar causada pela doença).

Uma grande estrutura foi montada para as filmagens, que contou com o apoio e a utilização de uma piscina do Corpo de Bombeiros, além de cinegrafistas especialistas em filmagens submersas. “Essa premiação representa exatamente o esforço da gestão Emanuel Pinheiro em desenvolver desde o início da pandemia do Coronavírus, medidas de enfrentamento à doença a fim de resguardar a vida da população. Peças como essas, veiculadas nos principais veículos de comunicação, despertam o sentimento exato, através do apelo visual, onde cada um tem um dever, a sua parte para evitar a propagação do vírus”, explicou o secretário de Comunicação, Fausto Olini.

Secretário de Comunicação da capital, Fausto Olini, esteve diretamente ligado à produção e ressaltou que ela retratou bem a seriedade com quem a gestão tratou o tema, buscando salvar vidas.

O sócio diretor de planejamento e criação da Agência Renca, João Barros, disse que esse foi o primeiro prêmio recebido pela empresa no  Festival. “Foi um grande desafio e contou com uma megaprodução, dentro das proporções do mercado de Mato Grosso. Então, quando somos reconhecidos pelo nosso esforço e dedicação, nos dá mais motivação para continuar produzindo”, declarou João Barros.

Leia Também:  Incêndio no interior de MT queima R$ 20 milhões em algodão

Ele reforça a  parceria, confiança e incentivo da Secretaria de Comunicação através do secretário Fausto Olini. “Nos proporcionou toda liberdade criativa, pois foi preciso buscar algo diferente e que fizesse o público se questionar sobre suas atitudes. Em seguida, foi preciso encontrar informações verdadeiras e “pesadas” sobre os casos de covid-19 no país. De cada dez pessoas intubadas por Covid-19, apenas duas sobreviveram. E esses mesmos sobreviventes afirmavam que um dos sintomas mais terríveis da doença, a falta de ar, momentos antes da intubação, era semelhante a estar se afogando”, revela.

Produção foi feita pela Secretaria de Comunicação e a Agência de Publicidade RENCA

“A Prefeitura de Cuiabá investiu na criação dessas peças que geraram impacto na vida das pessoas. Temos trabalhado não só na prevenção ao Covid-19, como também nos demais agravos que têm ceifado muitas vidas. A gestão Emanuel Pinheiro trabalha para oferecer mais dignidade e qualidade de vida a população. Estamos muito felizes com tamanho reconhecimento. Isso reforça a necessidade de continuar trabalhando em prol das pessoas”, finalizou Fausto Olini.

Leia Também:  Incêndio no interior de MT queima R$ 20 milhões em algodão

VEJA ABAIXO A CAMPANHA:

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

COTIDIANO

Após chuva atípica, MT terá queda de temperatura

A previsão do INMET aponta para uma queda nos termômetros, com ápice na quinta (11), que deve ser o dia mais frio da semana

Publicados

em

Chuva tirou de cena o calor e a baixa umidade relativa do ar, marcada nos últimos dias em todo o estado.

A semana começou com chuva em alguns pontos do estado, alegrando quem já estava sofrendo com o calor e a baixa umidade relativa do ar.

Na segunda-feira (8) surpreendendo os cuiabanos, rondonopolitanos e cidadãos de outras cidades, a inesperada chuva de agosto deu novo tom e atmosfera à semana.

De acordo com o Instituto de Meteorologia (Inmet), além das chuvas, as temperaturas devem sofrer uma queda podendo chegar ate a 11°c no estado, até o próximo fim de semana.

Cuiabá

Nesta terça-feira (9) a previsão aponta que o dia terá de pancadas de chuva e trovoadas, sendo 19°C de mínima e 27°C máxima, em Cuiabá.Para a quarta-feira (10), a temperatura começa a cair na capital, podendo chegar a 17C° de mínima e 26°C a máxima.

Já na quinta (11), os cobertores podem ser tirados dos armários, pois a mínima pode chegar aos 14°C e a máxima não deve ultrapassar os 26°C.

Chapada

Em Chapada dos Guimarães (67 km de Cuiabá), o frio será mais intenso e os termômetros podem registrar 11°C com máxima de até 33C. A semana, como Cuiabá, será de chuva e tempo nublado.

Leia Também:  Após chuva atípica, MT terá queda de temperatura

Mais cidades 

A temperatura em Rondonópolis também deve cair, entre terça e quinta, segundo o mesmo Inmet, também registrando previsão de mínima até 11°C. Pancadas de chuva também podem acontecer na maior cidade do interior.

A expectativa em Tangará da Serra também é por pancadas isoladas de chuva e queda brusca de temperatura, chegando ao dia mais frio da semana na quinta-feira (11), onde até 11°c podem ser marcados na cidade.

A mesma tendência é aguardada para Cáceres, que segundo o Inmet prevê pode registrar a menor temperatura do estado na cidade, marcando até 10°c na madruga entre quarta-feira (10) e quinta (11). A possibilidade chuva na cidade, todavia, se encerra na terça (9).

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍCIA

BRASIL E MUNDO

AGRO E ECONOMIA

FAMOSOS

MAIS LIDAS DA SEMANA