CUIABÁ

VAGA PERDIDA EM CASA

Em novo jogo ruim, Cuiabá é eliminado da Copa do Brasil e Pintado cai

Com o triunfo, o Dragão avança para as oitavas de final e embolsa R$ 3 milhões em premiação. Cuiabá ameaça entrar em crise.

Publicados

Esportes

Apesar do título estadual, time do Pintado não conseguiu se encontrar em campo na maior parte das partidas que disputou
A Arena Pantanal foi palco de mais uma eliminação do Cuiabá, nesta temporada. Depois de dar adeus a qualquer chance de classificação na Copa Sul-Americana, a equipe comandada por Pintado caiu também na milionária Copa do Brasil. Por falar em cair, o técnico, alvo da fúria da torcida, foi demitido após o jogo.
Nesta quarta-feira (12), o Atlético-GO conseguiu o que queria e não tomou gol, o que parecia ser o seu planejamento primário. Teve um boa atuação de seu goleiro e despachou o Cuiabá pela terceira fase do torneio. A definição do vencedor foi nos pênaltis, após as duas equipes ficaram no 0 a 0 e repetirem a igualdade do primeiro jogo, quando empataram, mas por 1 a 1, em Goiânia.
Com isso, o Dragão avança para as oitavas de final e embolsa R$ 3 milhões em premiação. O adversário da equipe será definido por meio de um sorteio.

JOGO FRACO!


O primeiro tempo foi bem fraco – técnica e taticamente. Os times não produziram muito e sequer chegaram com perigo à meta adversária. Ambos os ataques, não muito eficazes, esbarraram nas defesas adversárias. A melhor chegada foi de Shaylon para o Atlético-GO. Aos 33, ele mandou um chute de fora da área.PRESSÃO!

Na segunda etapa, o panorama do jogo não mudou muito. Porém, o Cuiabá voltou com maior pressão, buscando o gol e a classificação. O Atlético-GO, com isso, se fechou ainda mais. Em uma das chegadas, André Luís foi bloqueado pela zaga do Dragão.

Leia Também:  Cuiabá não consegue vencer mais uma em casa e aumenta jejum

O time adversário respondeu com Léo Pereira, que mandou à direita de Walter. A melhor chance aconteceu aos 30, para os goianos. Na jogada, Airton recebeu de Léo Pereira e por pouco não conseguiu empurrar. Luiz Fernando, no final, ainda tentou, mas Walter salvou.

PÊNALTIS!

Com a igualdade, que certamente permaneceria se o jogo durasse mais dois dias, a decisão foi para as penalidades. O primeiro a bater foi Airton, que não falhou e começou à frente, apesar de Walter acertar o canto.

Alan Empereur não ficou para trás e marcou de canhota. Na sequência, Baralhas cobrou no meio e fez o segundo. Na segunda do Cuiabá, Reinaldo escolheu o canto certo e defendeu a cobrança de Pepê.

Léo Pereira converteu o terceiro. Uendel não desperdiçou e manteve o Dourado vivo. Já Edson Fernando deu seu nome e converteu mais uma cobrança. Rodriguinho foi o próximo e balançou as redes. Por fim, Marlon Freitas não desperdiçou e garantiu a classificação para o Dragão.

Enquanto ainda contabilizava o prejuízo, a diretoria tratou de ouvir a pressão da torcida e elegeu o técnico Pintado como principal responsável. O técnico foi demitido e o agora o foco é total e apenas no Brasileirão, até porque é o que restou.
VEJA COMUNICADO OFICIAL DO CLUBE

“O Cuiabá informa que Pintado não é o mais técnico do time nesta temporada. O auxiliar-fixo da casa, Luiz Fernando Iubel, assume interinamente até a contratação de um novo profissional.

Pintado chegou ao clube no começo de 2022 e conquistou o título do Campeonato Mato-grossense, além da classificação até a terceira fase da Copa do Brasil.

O Dourado agradece ao treinador pelo período que comandou o time e deseja boa sorte no decorrer da carreira”.

Local: Arena Pantanal, em Cuiabá (MT)
Data e hora: 11/05/2022 – 22h (de Brasília)
Árbitro: Luiz Flávio de Oliveira (SP)
Assistentes: Daniel Paulo Ziolli (SP) e Alex Ang Ribeiro (SP)
Cartões amarelos: Alesson e Rodriguinho (Cuiabá); Hayner, Baralhas, Jefferson, Jorginho e Luiz Fernando (Atlético-GO)
Cartões vermelhos:GOLS:

Leia Também:  Cuiabá não consegue vencer mais uma em casa e aumenta jejum

CUIABÁ (Técnico: Pintado)
Walter; João Lucas (Daniel Guedes, aos 13’/2ºT), Marllon, Alan Empereur e Uendel; Rivas, Pepê e Valdívia (Felipe Marques, aos 13’/2ºT); Alesson (Everton, aos 13’/2ºT), Jenison (Rodriguinho, aos 0’/2ºT) e André Luís (Elton, aos 20’/2ºT).

ATLÉTICO-GO (Técnico: Umberto Louzer)

Ronaldo; Hayner, Ramon Menezes, Edson e Jefferson; Baralhas, Marlon Freitas, Shaylon (Airton, aos 22’/2ºT) e Jorginho (Edson Fernando, aos 43’/2ºT); Luiz Fernando (Montenegro, aos 43’/2ºT) e Wellington Rato (Léo Pereira, aos 12’/2ºT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Esportes

Cuiabá não consegue vencer mais uma em casa e aumenta jejum

Com o resultado, Cuiabá e Inter ocupam posições intermediárias na classificação. O Dourado tem 8 pontos e o Colorado soma 10.

Publicados

em

Valdívia anotou o gol mato-grossense contra seu ex-clube, na Arena Pantanal

O Cuiabá empatou com o Internacional em 1 a 1 na noite de ontem (21), na Arena Pantanal, e chegou a 4 jogos sem vencer no Brasileirão.

Com o resultado, Cuiabá e Inter ocupam posições intermediárias na classificação. O Dourado tem 8 pontos e o Colorado soma 10.

A ‘lei do ex’ apareceu na Arena Pantanal. Valdivia, que despontou para o futebol pelo Inter, enfrentou o clube pela primeira vez e fez o gol do Cuiabá, mas foi insuficiente. O Colorado buscou empate com gol de De Pena.

O jogo foi repleto de confusões no segundo tempo. Além da expulsão de João Lucas, no lance do pênalti que ocasionou o gol de empate do Inter, o técnico interino, Luiz Fernando Iubel e o meia Rafael Gava, que estava no banco, também levaram o vermelho.

O Cuiabá volta a campo na quinta-feira (26) para encarar o Melgar (PER) pela Sul-Americana. Pela mesma competição, o Internacional joga na terça-feira (24) contra o Guaireña (PAR).

O Jogo

Valdivia foi a principal figura do primeiro tempo, reclamou um pênalti não marcado e quase fez um golaço. Na etapa final, em cobrança de falta, abriu o placar.

Leia Também:  Cuiabá não consegue vencer mais uma em casa e aumenta jejum

O empate do Inter aconteceu em um lance revisado pelo VAR. Em cobrança de escanteio, Gabriel Mercado cabeceou e foi atingido por João Lucas.

Após ser alertado pelo árbitro de vídeo, o juiz da partida marcou pênalti e ainda expulsou o jogador do Cuiabá, que já tinha amarelo. De Pena igualou o placar.

Já eliminado da Copa do Brasil, Sul-Americana e só com o Brasileirão pela frente, o Dourado tenta reagir para fugir de uma briga direta contra o rebaixamento.

O clube ainda procura um técnico, após demitir Pintado

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍCIA

BRASIL E MUNDO

AGRO E ECONOMIA

FAMOSOS

MAIS LIDAS DA SEMANA