CUIABÁ

POLÍCIA

Bandidos invadem estádio e roubam R$ 5 mil em bolas do Luverdense

Publicados

POLÍCIA

Cinco criminosos invadiram o Estádio Municipal Passos das Emas, em Lucas do Rio Verde (330 quilômetros de Cuiabá), e roubaram 14 bolas oficiais, avaliadas em cerca de R$ 350, totalizando um prejuízo de R$ 5 mil ao Luverdense Esporte Clube. A ação dos bandidos ocorreu na última quarta-feira (1).
O episódio foi registrado por volta das 5h30. O gerente do time foi quem comunicou o caso à Polícia Civil. Segundo ele, o vigilante do local ligou e relatou que teria ido até o supermercado tomar um café. No entanto, ao retornar, por volta das 6h15, teria sido surpreendido por um bando de criminosos no interior do estádio, sendo que um deles mostrou uma arma de fogo.

O grupo teria pulado o muro do local, perto da porta de entrada da imprensa, arrombado algumas grades e cadeados, para roubar itens do clube. Os bandidos reviraram tudo e roubaram 14 bolas da Topper e Nike. Diante dos fatos, um boletim de ocorrência foi registrado. A polícia não localizou nenhum suspeito do crime.

Leia Também:  Garoto de apenas 20 anos morre soterrado em MT
COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

POLÍCIA

Mulher tem pescoço cortado por linha de pipa com cerol em MT

O genro relatou aos militares que a mulher estava conduzindo sua moto, chegando em casa, quando teve seu pescoço cortado

Publicados

em

Policiais militares fizeram rondas pela região do acidente, mas não identificaram o responsável pela linha com cerol

Maria das Graças Ferreira Araújo, de 57 anos, ficou gravemente ferida ao ter o pescoço cortado na tarde do último domingo (14), enquanto andava de moto, no bairro Porto Seguro, em Juara (709 km de Cuiabá).

Ela foi atingida por uma linha de pipa com cerol (material cortante com vidro). De acordo com o boletim de ocorrência, a Polícia Militar foi acionada pela equipe médica do Pronto-Socorro da cidade por volta das 15h.

No local, encontraram a vítima recebendo socorro médico. O genro relatou aos militares que a mulher estava conduzindo sua moto, chegando em casa, quando teve seu pescoço cortado pela linha de pipa com cerol.

Ela teve muito sangramento e foi socorrida às pressas até a unidade. A vítima recebeu atendimento médico e levou diversos pontos no pescoço.

Em entrevista ao site Show de Notícias, Maria das Graças afirmou que achou que iria morrer por conta do ferimento. Também contou que o médico lhe falou que faltou muito pouco para que o corte atingisse a sua veia artéria no pescoço, o que poderia ter sido fatal.

Leia Também:  Polícia Civil prende seis por tráfico e crimes sexuais em MT

A Polícia Militar esteve no local onde a vítima foi atingida, mas não encontrou ninguém soltando pipas na região. O caso foi registrado e deve ser apurado pela Polícia Civil.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍCIA

BRASIL E MUNDO

AGRO E ECONOMIA

FAMOSOS

MAIS LIDAS DA SEMANA