CUIABÁ

CENA FORTÍSSIMA

Dupla arranca jovem de carro e o executa na frente de casa em MT

Duas pessoas descem do carro e retiram a vítima do veículo.  Ele parece tentar conversar com os criminosos, mas é baleado pela dupla

Publicados

POLÍCIA

Quando a equipe de socorristas chegou ao local, Kelvin já estava morto.

O jovem Kelvin Wallace Delgado Pereira, de 25 anos, foi executado a tiros no momento em que saia com seu carro de casa, em Sinop (a 498 km de Cuiabá), na noite de sexta-feira (22).

Uma câmara de segurança flagrou o momento exato do crime no Bairro Residencial Florença. As imagens mostram Kelvin saindo com seu carro da garagem e sendo “fechado” pelo veículo onde estavam os criminosos armados.

Duas pessoas descem do carro e retiram a vítima de seu veículo.  Na sequência, ele parece tentar conversar com os criminosos, mas é baleado pela dupla. A vítima é atingida por uma sequência de tiros e segue recebendo disparos até mesmo depois de cair no chão.

VEJA A CENA (IMAGENS FORTES):

Após executarem o homem, a dupla volta para o carro e foge com a ajuda do comparsa que dirige o veículo. Uma pessoa, ao ouvir os tiros, sai correndo de dentro da casa e no fim das imagens observa Kelvin agonizando e ainda se mexendo, no canto da imagem.

Leia Também:  Acusado de matar morador de rua em Cuiabá vai preso

Uma equipe do Corpo do Bombeiros foi acionada para prestar o socorro à vítima, porém, o rapaz já estava morto. A Polícia Civil investiga a motivação do homicídio. Até o momento, os autores do crime não foram presos.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLÍCIA

Jovem mata esposa na frente de filha de 4 anos em MT

Inicialmente, o suspeito tentou construir a narrativa de que teria achado a esposa já morta, depois confessou que a estrangulou

Publicados

em

Acusado tem 25 anos e matou a companheira de apenas 21 anos

Um homem de 25 anos foi preso, acusado de matar a própria esposa, Cristiane da Conceição Silva, de 21 anos, na frente da filha de 4 anos. O crime aconteceu na residência do casal, na quarta-feira (17), no bairro Parque Tangará, em Tangará da Serra (240 km de Cuiabá).

De acordo com a Polícia Civil, ele chegou a registrar um boletim de ocorrência alegando que estaria com a filha, quando ouviu o barulho de um copo caindo e foi verificar, encontrando a mulher caída no chão.

Ele disse que teria tentando reanimar a vítima, quando uma vizinha acionou o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que realizou manobras de ressuscitação por 40 minutos até levá-la a uma unidade de saúde.

Na unidade de atendimento hospitalar foi constatado o óbito da mulher e um exame de necropsia foi realizado, constatando lesões que indicavam morte por asfixia e estrangulamento.

Ainda de acordo com a Polícia Civil, após ser informado sobre o resultado da perícia realizada pela Politec ele confessou o crime, mas alegou ter sido agredido pela vítima.

Leia Também:  Homem cai em córrego com celta e morre afogado em MT

Conforme o delegado Jailson Soares, o assassino já havia cometido o crime de lesão corporal anteriormente. O assassino foi preso em flagrante por homicídio qualificado em feminicídio e encaminhado ao centro de detenção de Tangará da Serra.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍCIA

BRASIL E MUNDO

AGRO E ECONOMIA

FAMOSOS

MAIS LIDAS DA SEMANA