CUIABÁ

CRIME TEM 6 MESES

Homem que matou ex e namorado com 64 facadas em MT segue foragido

O crime aconteceu depois que Ana Paula terminou o relacionamento de 13 anos com o acusado e chocou os cuiabanos

Publicados

POLÍCIA

Crime ocorreu em dezembro de 2021 e, até hoje, acusado segue foragido
Acusado de assassinar com requintes de crueldade a ex-esposa e o atual namorado dela, o criminoso Roberto Epifânio Pinheiro, 45 anos, é procurado pela polícia desde dezembro de 2021. O crime, que aconteceu na região do Pedra 90, em Cuiabá, ceifando a vida de Ana Paula Batista, 40 anos, e Sebastião da Silva, 41, com 64 facadas, já completa seis meses.
O inquérito já foi finalizado pela Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) e Roberto Epifânio Pinheiro foi denunciado pelo Ministério Público por crime previsto no artigo 121 do Código Penal. Contra o assassino, há um mandado de prisão preventiva decretado em fevereiro de 2022 pela Segunda Vara Especializada de Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher.

O crime aconteceu depois que Ana Paula terminou o relacionamento de 13 anos com o acusado, depois de supostos abusos cometidos por Roberto contra as duas filhas dela. O foragido era proprietário de um ‘espetinho’ na região do Pedra 90 e bastante conhecido pelos moradores.

Ana Paula e Sebastião foram mortos em casa e os corpos foram encontrados um ao lado do outro, caídos no chão, perto da cama. Na época dos homicídios, o delegado Marcel Gomes, que presidiu o inquérito, fez um relato sobre a cena de crime.

Leia Também:  Mulher com deficiência é estuprada e irmão espanca abusador em MT

“Eu já estou há um tempo na Delegacia de Homicídios e falo que foi a pior cena, o pior homicídio, mais cruel, mais sádico que já vi na minha vida. Você percebe que as vítimas já se encontravam mortas e ainda assim, foram colocadas em determinadas posições e receberam diversas facadas nas costas, o que contabiliza um total de 64 facadas, 31 na mulher e 33 no homem”, detalhou.

Sobre o corpo de Ana Paula, o delegado disse que foram encontradas lesões dos pés à cabeça. “Se você parar para analisar a dinâmica do corpo humano, tem facada dos pés à cabeça. Tem nas costas, pescoço, braços, mãos, o que indicam lesões de defesa, uma reação normal do próprio ser humano. Se outra pessoa vem para cima de você, sua primeira reação é tentar impedir que o golpe chegue até você, justamente com os braços. Se constata isso na Ana Paula, diversas lesões nos braços e mãos. Mas você também verifica facadas fatais como, por exemplo, região do pescoço, peito, tórax, região das costas, barriga, perna, abdômen, braços, pé, tudo que você imaginar”.

Já com relação aos golpes no corpo de Sebastião, não foram encontrados indícios de luta corporal. “Pelo contrário, isso indica uma surpresa. Há indícios de arrombamento na porta da residência. Provavelmente as vítimas foram pegas totalmente desprevenidas em cima da cama. Naquele momento que se abre a porta, já está ao lado da cama, então com certeza com a faca na mão, ele [o criminoso] começa a realizar os golpes fatais contra as vítimas”.
COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLÍCIA

Pai morre, mãe e bebê são internadas após colisão com carreta na 163

A perícia preliminar identificou que o veículo na família colidiu com o caminhão quando este trafegava na pista contrária

Publicados

em

Homem de 29 anos chegou ser socorrido com vida, mas morreu no hospital.

Um homem identificado como Wallyson Vinicius Bellon, de 29 anos, morreu ontem (5), após uma colisão entre sua camionete Mitsubishi com uma carreta na BR-163, em Lucas do Rio Verde (a 353 km de Cuiabá).

Além da vítima, sua esposa Nathalia França e a filha do casal, uma bebê, também estavam no carro. As duas foram socorridas e seguem internadas em uma unidade de saúde do Município.

Segundo a Rota do Oeste, que atendeu a ocorrência, a família ocupava um utilitário Mitsubishi branco que bateu no caminhão na altura do Km 666.

As causas do acidente ainda são apuradas pela Polícia Rodoviária Federal (PRF). No entanto, a perícia preliminar identificou que o veículo na família colidiu com o caminhão quando este trafegava na pista contrária e se preparava para entrar em uma fazenda.

A violência da batida destruiu a parte frontal do Mitsubishi, mas a família foi socorrida com vida. As vítimas foram encaminhadas ao Hospital São Lucas e a uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Município.

Leia Também:  "Pai" é suspeito de auxiliar no aborto do filho em MT e jogar feto em lixeira

Apesar de ter sido socorrido, Wallyson não resistiu aos ferimentos e morreu na unidade de saúde. O caso segue sendo investigado pela Polícia Civil.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍCIA

BRASIL E MUNDO

AGRO E ECONOMIA

FAMOSOS

MAIS LIDAS DA SEMANA