CUIABÁ

TRAUMATISMO CRANIANO

Jovem de 19 anos despenca 5 metros em cachoeira interditada de MT

A equipe de resgate disse que encontrou a estudante com um corte contuso na cabeça e em estado grave, com suspeita de lesão cervical.

Publicados

POLÍCIA

Uma campanha de doação de sangue foi iniciada em prol de Isadora

A estudante Isadora Luísa Rodrigues, de 19 anos, sofreu traumatismo craniano ao cair de uma cachoeira na última quinta-feira (21), no Parque Serra Azul, em Barra do Garças, a 516 km de Cuiabá.

O acidente aconteceu na Cachoeira Pé da Serra, que está interditada e não poderia ter sido acessada, segundo a Secretaria Estadual de Meio Ambiente (Sema).

Segundo familiares, a estudante caiu de uma altura de cinco metros e precisa de sangue. Foi iniciada  uma campanha nas redes sociais para conseguir doações para o Hospital Municipal de Barra do Garças, sendo o foco da campanha  o sangue A+.

O Corpo de Bombeiros foi acionado para socorrer a estudante às 11h. Segundo os bombeiros, Isadora estava se divertindo com os amigos no momento do acidente. A equipe de resgate disse que encontrou a estudante com um corte contuso na cabeça e em estado grave, com suspeita de lesão cervical.

Em nota, a Sema informou que o parque é todo sinalizado, mas que a cachoeira Pé da Serra está interditada.

Leia Também:  Sujeito corre pelado atrás de mulheres e crianças e é preso em MT

Confira a íntegra da nota:

A Sema informa que o Parque Estadual da Serra Azul possui atrativos de uso público, e há placas de sinalização em toda a Unidade de Conservação com as regras de uso.

A Cachoeira Pé da Serra está interditada para banho de cachoeira para a preservação do atrativo e segurança dos visitantes, porque o local possui risco de deslizamentos de rochas.

Nos atrativos há alertas também de piso escorregadio, animais peçonhentos, dentre outros, bem como da proibição de acesso com bebidas, cigarro, equipamentos eletrônicos, e horários de funcionamento.

Ressaltamos que é necessária a atenção dos visitantes aos avisos e informações para o uso seguro, e uma experiência agradável junto à natureza.

Ela foi resgatada na Cachoeira Pé da Serra, em Barra do Garças

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLÍCIA

Pai morre, mãe e bebê são internadas após colisão com carreta na 163

A perícia preliminar identificou que o veículo na família colidiu com o caminhão quando este trafegava na pista contrária

Publicados

em

Homem de 29 anos chegou ser socorrido com vida, mas morreu no hospital.

Um homem identificado como Wallyson Vinicius Bellon, de 29 anos, morreu ontem (5), após uma colisão entre sua camionete Mitsubishi com uma carreta na BR-163, em Lucas do Rio Verde (a 353 km de Cuiabá).

Além da vítima, sua esposa Nathalia França e a filha do casal, uma bebê, também estavam no carro. As duas foram socorridas e seguem internadas em uma unidade de saúde do Município.

Segundo a Rota do Oeste, que atendeu a ocorrência, a família ocupava um utilitário Mitsubishi branco que bateu no caminhão na altura do Km 666.

As causas do acidente ainda são apuradas pela Polícia Rodoviária Federal (PRF). No entanto, a perícia preliminar identificou que o veículo na família colidiu com o caminhão quando este trafegava na pista contrária e se preparava para entrar em uma fazenda.

A violência da batida destruiu a parte frontal do Mitsubishi, mas a família foi socorrida com vida. As vítimas foram encaminhadas ao Hospital São Lucas e a uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Município.

Leia Também:  Sujeito corre pelado atrás de mulheres e crianças e é preso em MT

Apesar de ter sido socorrido, Wallyson não resistiu aos ferimentos e morreu na unidade de saúde. O caso segue sendo investigado pela Polícia Civil.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍCIA

BRASIL E MUNDO

AGRO E ECONOMIA

FAMOSOS

MAIS LIDAS DA SEMANA