CUIABÁ

POLÍCIA

Júri condena homem a 15 anos de cadeia em MT por matar travesti com chave de fenda

Publicados

POLÍCIA

O Tribunal do Júri condenou Cléverson dos Santos, conhecido como “Zico”, a 15 anos, 7 meses e 14 dias de reclusão e dois anos de detenção por ter matado a golpes de chave de fenda  o travesti Luiz Henrique Ferreira e vilipendiado o seu cadáver.

Cléverson ainda foi condenado por tentativa de furto a uma igreja e a uma papelaria. Todos os crimes ocorreram na noite do dia 1º de julho de 2017, em Sorriso. De acordo com a denúncia do Ministério Público, antes de cometer o assassinato o réu praticou crimes sucessivos, tendo começado com uma tentativa de furto na Paróquia Santa Luzia, no bairro Industrial.

O furto só não aconteceu porque Cléverson não conseguiu quebrar a fechadura da porta. Diante da tentativa fracassada, o réu continuou a sua empreitada pelo mesmo bairro até chegar a uma papelaria. Ao tentar arrombar a porta do estabelecimento, a proprietária gritou pedindo ajuda aos vizinhos, fazendo com que ele fugisse do local.

Quase duas horas depois, no bairro Centro Sul, Cléverson encontrou Luiz Henrique no estacionamento de um supermercado. Sem qualquer chance de defesa, Luiz Henrique foi atacado a golpes de chave de fenda pelas costas, por conta de motivação fútil relacionada à dívida de valor.

Leia Também:  Polícia acaba com festa cheia de droga e prende 20 em MT

Ao todo, conforme exame de necropsia, a vítima recebeu quatro golpes no pescoço, morrendo na hora. Após a vítima ser assassinada, Cléverson vilipendiou o cadáver ao introduzir em seu ânus um tubo plástico em formato cilíndrico.

Na decisão, a magistrada afirma que o réu deverá começar a cumprir a pena em regime fechado “eis que persistem os requisitos e fundamentos que ensejaram o decreto de sua prisão preventiva, agora ainda mais reforçados, eis que condenado pelo Tribunal do Júri”. Cléverson ainda pode recorrer. Todas as informações foram divulgadas, no final da tarde, pela assessoria do Ministério Público do Estado.

 

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

POLÍCIA

A facadas, jovem mata assassino de sua mãe no interior de MT

O rapaz atraiu algoz a um ba, até que em determinado momento o homem reconheceu o rapaz e disse: “matei sua mãe e mato você também”.

Publicados

em

O rapaz fugiu da cena do crime, mas já foi encontrado e detido pela polícia

Adevair de Palma Leite, de 43 anos, foi morto com golpes de faca por vingança, em um bar no município de Mirassol d’Oeste (288 km de Cuiabá). Segundo informações da Polícia Militar, o assassino é um homem de 22 anos, filho de uma mulher que Adevair matou anos atrás.

O caso foi registrado na tarde do último sábado (6), mas divulgado apenas nesta quarta-feira (10). De acordo com o boletim de ocorrência, o assassino atraiu Adevair até um bar, onde ficaram bebendo e conversando.

Em determinado momento, Adevair reconheceu o rapaz e disse: “matei sua mãe e mato você também”. Nesse momento, o homem apanhou uma faca, que estava no balcão do estabelecimento, e desferiu várias facadas contra as costas de Adevair.

Segundo relato de uma testemunha, Adevair ainda tentou fugir do local, mas foi seguido pelo assassino, que voltou a golpeá-lo do lado de fora do bar. Imediatamente, o rapaz fugiu do local em uma motocicleta.

Quando a polícia chegou ao local, a vítima estava no chão, com várias lesões de faca nas costas. A equipe médica foi acionada, mas apenas constatou a morte de Adevair.

Leia Também:  Amigos do pai são suspeitos de estuprarem menino de 3 anos em MT

Com as características do criminoso repassados pelas testemunhas, os policiais começaram as diligências e conseguiram localizar o rapaz numa estrada que dá acesso a São José dos Quatro Marcos.

Ele confessou o crime e explicou que fugiu porque no momento em que esfaqueou Adevair não sabia o que fazer. O homem foi detido e apresentado na delegacia de polícia da cidade. O caso está em investigação.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍCIA

BRASIL E MUNDO

AGRO E ECONOMIA

FAMOSOS

MAIS LIDAS DA SEMANA