CUIABÁ

ALVOS EM CUIABÁ E VG

Polícia Civil deflagra operação contra golpistas da OLX e do WhatsApp

Segundo a polícia, os valores arrecadados pela quadrilha podem ultrapassar a casa de milhões de reais e ainda é impreciso o número de lesados

Publicados

POLÍCIA

Só contra um dos alvos existem mais de 40 boletins de ocorrência registrados por estelionato.

A Polícia Civil de Mato Grosso deflagrou, nesta quarta-feira (13), a Operação ‘Miqueias’, com apoio de policiais de São Paulo. São cumpridos 21 mandados de busca e apreensão em Cuiabá e Várzea Grande, com foco em enquadrar “golpistas da OLX e do WhatsApp”.

Só contra um dos alvos, constam mais de 40 boletins de ocorrência registrados por estelionato, segundo o delegado de São José do Rio Preto, Renato Gomes Camacho. A polícia informou que a quadrilha atuava em todo o território nacional.

“Boa parte da quadrilha é de Cuiabá e Várzea Grande. Verificamos que os recebedores desses valores eram, na grande maioria, a mesma pessoa”, disse o delegado.

Pelo WhatsApp, os criminosos criam um perfil falso no aplicativo de mensagens, utilizando a foto da vítima, e entram em contato com amigos e familiares, pedindo dinheiro emprestado.

De acordo com Renato, eles verificavam os contatos e as conversas que essas pessoas tinham. Em seguida, copiavam a foto, cadastravam em um número diferente e entravam em contato com os familiares pedindo uma suposta ‘ajuda’.

Leia Também:  Motoqueiros batem de frente e os dois morrem em Cuiabá

“Primeiro eles mandavam mensagem falando que o celular quebrou e que a pessoa poderia entrar em contato por meio daquele novo número. Tempo depois, eles mandavam mensagem novamente pedindo para pagar algum boleto, porque estavam com dificuldade”, explicou.

Já no ‘Golpe da OLX’, os criminosos replicam anúncios de veículos publicados em sites de compra e venda pela internet para enganar os compradores e vendedores para que o dinheiro do negócio seja depositado na conta da associação criminosa.

Segundo a polícia, acredita-se que os valores arrecadados podem ultrapassar a casa de milhões de reais e ainda não é possível precisar o montante de pessoas lesadas com os golpes aplicados pelos criminosos.

Nos últimos três anos, centenas de suspeitos envolvidos nos golpes foram presos, tanto na região de São José do Rio Preto, quanto nas capitais paulista, catarinense e mato-grossense. Somente em Cuiabá, já é a terceira operação deflagrada.

O delegado alerta para que as pessoas fiquem atentas ao receber uma mensagem nesse sentido. “Atenção ao máximo. Quando receber uma mensagem pedindo valor liga para a pessoa e busca conseguir identificar a voz. Não acredite apenas na mensagem que recebeu”, pontuou.

Leia Também:  Vereador de Cuiabá mata homem e diz que agiu em legítima defesa
COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLÍCIA

Hilux bate de frente com caminhão e quatro morrem em MT

Conforme informações das forças de segurança que atenderam a ocorrência, a camionete colidiu frontalmente com a carreta.

Publicados

em

Pedaços da camionete e dos corpos das vítimas ficaram espalhados pela vítima.

Um grave acidente envolvendo uma Hilux e um caminhão deixou quatro mortos na BR-364, próximo ao município de Comodoro (641 km de Cuiabá), nesta segunda-feira (04).

Conforme informações das forças de segurança que atenderam a ocorrência, a camionete colidiu frontalmente com a carreta. O acidente ocorreu na altura do quilômetro 1220.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), as quatro vítimas fatais eram ocupantes da camionete. O motorista do caminhão ficou ferido com múltiplas fraturas e foi levado ao hospital.

O Corpo de Bombeiros, a Polícia Rodoviária Federal, a Polícia Civil e a Perícia Oficial de Identificação Técnica foram até o local e acompanhar o caso, que interditou a pista.

Nas imagens colhidas por populares, pouco após a tragédia, quando os corpos ainda estavam no asfalto, é possível ver um segundo caminhão parcialmente destruído, indicando que o acidente teve mais um veículo envolvido.

VEJA O VÍDEO (IMAGENS FORTES):

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Inquérito confirma que pai matou filho sufocado em MT por causa de choro
Continue lendo

POLÍCIA

BRASIL E MUNDO

AGRO E ECONOMIA

FAMOSOS

MAIS LIDAS DA SEMANA