CUIABÁ

AGRO

Coopercicla de Rondonópolis recebe doação de área no microdistrito industrial

Publicados

AGRO

Em reunião realizada nesta quarta-feira (22), na Prefeitura de Rondonópolis, o prefeito Zé Carlos do Pátio, e o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Milton Mutum, assinaram um termo de cessão de direito real de uso de uma área no Microdistrito Industrial na Vila Operária para a Coopercicla. Os vereadores Elton Mazeti, Jailton do Pesque Pague e Roni Cardoso, representando o poder legislativo também estiveram presentes na assinatura oficial do termo.

O prefeito Zé Carlos do Pátio ressaltou que a cessão da área é uma forma de contribuir com o trabalho desenvolvido pela Coopercicla em reciclagem de lixo na cidade, além de poder auxiliar no crescimento da cooperativa que atua há anos em Rondonópolis. Ele ainda determinou que seja elaborado um termo de fomento para que a cooperativa possa comprar uma caminhonete para a coleta dos materiais recicláveis, já que hoje a Coopercicla encontra dificuldades em coletar os materiais por ter apenas um veículo pequeno.

Para Pátio, incentivar o crescimento da Coopercicla é uma forma de auxiliar no aumento da renda dos cooperados, bem como uma forma de contribuir com a cidade na ampliação da coleta seletiva do lixo e formação da consciência do cidadão sobre a necessidade da separação do lixo para o meio ambiente e sustentabilidade.

Leia Também:  Neri descarta dividir palanque com Fagundes por apoio de Mauro

O secretário Milton Mutum destacou que a área foi cedida por cinco anos, com prorrogação por mais cinco, para que a Coopercicla se instale no local, já que atualmente a cooperativa funciona em um espaço cedido pela Cáritas Diocesana no Jardim das Flores.

A representante da Coopercicla, Jussineide Correia da Silva, reforça que é fundamental que a cooperativa conte com uma área própria e assim busque os recursos para construir seu espaço no local. Ela explica que são 11 famílias de cooperados que ganham cerca de um salário mínimo por mês com o trabalho de reciclagem. A intenção é aumentar os esforços para angariar os recursos necessários e construir um local na área do Microdistrito da Vila Operária.

A Coopercicla, que já existe há 10 anos na cidade, recebe latas, papelão, plástico e eletrônicos e quem puder pode levar o material até a sede atual da cooperativa, contribuindo com os trabalhadores e com uma cidade mais sustentável. A Coopercicla fica na Rua Militão Alves de Souza, número 412, Jardim das Flores, próximo à Igreja Católica.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

AGRO

MT aumenta área plantada de soja, mas deve produzir menos

Por fim, a produção total para a próxima colheita ficou projetada em 39,48 milhões de toneladas para o estado.

Publicados

em

Sobre a produtividade, a estimativa foi estipulada em 58,62 saca/hectare, menos que 2021. FOTO - Exame/Alexis Prappas

A área aguardada de soja para a próxima temporada no estado de Mato Grosso (safra 2022/23) ficou projetada em 11,13 milhões de hectares, incremento de 2,55% em relação à safra 2021/22.

A ampliação inicial está pautada pela valorização do preço da oleaginosa, demanda aquecida e o momento de preços favoráveis dos subprodutos da soja, o que motivou alguns produtores a fazerem a conversão de áreas de pastagens para agricultura, principalmente em regiões onde a pecuária predomina — Nordeste, Noroeste e Norte.

A informação foi divulgada, nos últimos dias, pelo Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (IMEA), no boletim semanal da soja. Sobre a produtividade, a estimativa foi estipulada em 58,62 saca/hectare, o que representa 1,26% abaixo em relação ao rendimento da safra 2021/22.

Apesar do recuo na estimativa, neste primeiro momento as projeções ficam limitadas,
devido a alguns pontos que podem impactar no decorrer da safra, como: condições climáticas e incertezas de investimento devido ao alto custo de produção.

Por fim, a produção total ficou projetada em 39,48 milhões de toneladas para o estado.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Wilson faz pressão em Mendes: "não será o coveiro do Rio Cuiabá"
Continue lendo

POLÍCIA

BRASIL E MUNDO

AGRO E ECONOMIA

FAMOSOS

MAIS LIDAS DA SEMANA