CUIABÁ

POLÍTICA

Governo inclui nova ferrovia em MT no programa de concessões

Publicados

POLÍTICA

Em reunião ocorrida na tarde desta segunda-feira (2), o Conselho do Programa de Parcerias de Investimentos (CPPI) incluiu a Ferrovia de Integração Centro-Oeste (Fico). O modal ligará Campinorte (GO) a Vilhena (RO), passando pelos municípios mato-grossenses de Água Boa, Paranatinga, Lucas do Rio Verde e Brasnorte.

Orçada em R$ 4 bilhões, a Fico será construída pela mineradora Vale, que em troca terá as concessões das linhas férreas Carajás (no Pará e no Maranhão) e Vitória–Minas renovadas até 2057. Mesmo descontando o que a mineradora gastou para duplicar a estrada de ferro Carajás, a empresa teria de desembolsar R$ 4 bilhões, mas vai construir a Fico em contrapartida.

O CPPI contempla também mais 13 importantes empreendimentos: o Ferroanel de São Paulo, a 5ª Rodada de Partilha do Pré-Sal, dez linhas de transmissão e trechos de rodovias federais em Santa Catarina. Esses projetos respondem por cerca de R$ 100 bilhões de investimentos, informou o ministro da Secretaria-Geral, Ronaldo Fonseca.

Além da inclusão de novos projetos, foram aprovados o Plano Nacional de Logística (PNL) e as definições da reestruturação para o setor ferroviário.

Leia Também:  Emanuelzinho quer R$ 20 mil de Abílio por postagem com sua foto

Segundo Ronaldo Fonseca, dos 175 projetos considerados prioritários no Programa de Parcerias de Investimentos, 95 empreendimentos já foram concluídos e vão gerar cerca de R$ 150 bilhões nos próximos anos. “Temos o desafio de entregar 80 empreendimentos ao longo deste ano que perfazem um volume de investimentos da ordem de R$ 136,4 bilhões”,acrescentou.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

POLÍTICA

Bezerra encerra especulações e diz que MDB vai de Neri

O veterano também projetou o seguimento da aliança com Mauro Mendes, “se ele aceitar as propostas do MDB para a área social”, condicionou.

Publicados

em

Cacique partidário fala em tom de otimismo por vitória de Geller. FOTO - Edson Rodrigues

O deputado federal Carlos Bezerra (MDB) garantiu que o nome escolhido pelo seu partido para concorrer à vaga ao Senado é do deputado federal Neri Geller (PP), conforme já vinha sinalizando há meses. A declaração do emedebista foi dada durante discurso em Canarana, ontem (20), segunda cidade a receber o movimento Avança Mato Grosso. Bezerra disse que o partido é muito disciplinado e que já abraçou esse projeto.

“Já definimos que o nosso candidato ao Senado é o Neri, o MDB já se decidiu. Estamos aqui para mudar a vida de cada um deste estado imenso que é Mato Grosso. E vamos para a vitória com Neri na cabeça”, afirmou Carlos Bezerra, destacando que também caminhará lado a lado com Mauro Mendes (UB) à reeleição, “se ele aceitar as propostas do MDB para a área social”, condicionou.

O movimento tem como proposta a discussão de uma agenda voltada ao desenvolvimento de Mato Grosso e reúne dirigentes e lideranças do PP, PSD, MDB e PSB, além de lideranças de outros partidos. Também participaram do evento os deputados estaduais João Batista (PP), Nininho (PSD), o deputado federal Juarez Costa (MDB), os prefeitos dos municípios de Canarana, Fábio Faria (UB); Nova Xavantina, João Bang (PSB); Água Boa, Dr. Mariano (MDB); além de pré-candidatos a deputado federal e estadual entre outros que totalizaram mais de 600 presentes no encontro.

Leia Também:  Blairo lamenta falecimento de artista plástico e jornalista Denis Maris

 

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍCIA

BRASIL E MUNDO

AGRO E ECONOMIA

FAMOSOS

MAIS LIDAS DA SEMANA