CUIABÁ

CIDADES

MPF exige que Energisa forneça energia em comunidade indígena em Mato Grosso

Publicados

CIDADES

O Ministério Público Federal em Mato Grosso expediu recomendação à Empresa Energisa para que seja garantido o fornecimento de energia para a Comunidade Indígena Kanela do Araguaia.

Os procuradores querem que a distribuidora Energisa de Mato Grosso cumpra com o cronograma acordado e conclua as obras de eletrificação rural na comunidade indígena até dezembro deste ano.

De acordo com o Ministério Público Federal, a ação faz parte do programa Luz para Todos e o cronograma foi proposto pela própria empresa.

A inclusão da comunidade indígena no programa é resultado de um inquérito civil convertido em ação civil pública que apurou a omissão da concessionária na instalação de energia elétrica em comunidades indígenas localizadas no município de Luciara a cerca de 1.180 km de Cuiabá.

No processo, a Energisa alega não ter finalizado o serviço de eletrificação na área Kanela pela ausência da comprovação de posse das terras.

Para o Ministério Público, a alegação fere a Constituição Federal e deixa a comunidade indígena Kanela do Araguaia em situação de extrema vulnerabilidade social, uma vez que prejudica a conservação de alimentos e remédios.

Leia Também:  Empresa escolhida para BRT de Mauro Mendes foi alvo da Lava Jato

Os procuradores afirmam que o não cumprimento da recomendação por parte da Energisa pode levar a outras medidas judiciais, tais como uma ação por dano moral coletivo. Entramos em contato com a distribuidora, mas até o fechamento desta reportagem, não obtivemos retorno.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

CIDADES

Com emenda de R$ 300 mil de Claudinei, distrito de Vale Rico terá uma quadra poliesportiva

O deputado destinou R$ 300 mil para a construção de quadra poliesportiva, com a contrapartida da outra parte do valor pelo prefeito de Guiratinga

Publicados

em

O deputado estadual Delegado Claudinei (PL) atendeu o grande anseio dos moradores do distrito de Vale Rico, localizado em Guiratinga, que almejavam ter uma quadra poliesportiva para a prática esportiva de crianças e jovens e realização de eventos. Ele garantiu uma emenda no valor de R$ 300 mil para a construção do espaço e que, também, contará com a contrapartida da outra parte do valor pelo prefeito municipal, Waldeci Barga Rosa (UB).

O parlamentar chegou a visitar o distrito, em janeiro de 2021, junto com o gestor municipal e a vereadora Fabiana Rocha (UB) e se deparou com a situação precária da quadra utilizada pela comunidade local. “Neste dia, me comprometi a buscar alternativas junto aos gestores municipais e contribuir com melhorias na infraestrutura deste distrito. E ainda mais, soube que era um grande anseio dos moradores e me sinto realizado de estar ajudando nesse desejo. Em breve terão um espaço para o esporte e lazer”, posicionou Claudinei.

Fabiana conta que o distrito de Vale Rico possui uma média de 450 habitantes. “É uma região que tem uma população bastante carente e esquecida. A gente procura ajudar o distrito e vê a necessidade de incentivar os jovens a estarem praticando o esporte, participando de campeonatos e ter o lazer merecido, algo que não tinham, pois não havia uma estrutura boa. E o novo espaço também poderá ser utilizado para outros meios, como na promoção de eventos. Será bem amplo”, comentou a vereadora.

Leia Também:  Wilson faz pressão em Mendes: "não será o coveiro do Rio Cuiabá"

Localização – O município de Guiratinga fica a uma distância de aproximadamente 110 km de Rondonópolis. Em relação ao distrito de Vale Rico, é de cerca de 60 km.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍCIA

BRASIL E MUNDO

AGRO E ECONOMIA

FAMOSOS

MAIS LIDAS DA SEMANA