CUIABÁ

POLÍTICA

MT tem novo senador, Rodrigues Palma toma posse

Publicados

POLÍTICA

Tomou posse nesta quarta-feira (2) em Plenário o senador Rodrigues Palma (PR-MT). Ele substitui Cidinho Santos (PR-MT), que pediu licença do mandato. Rodrigues Palma é o segundo suplente do senador Blairo Maggi (PR-MT), afastado do mandato por ter assumido em 2016 o Ministério da Agricultura. A chapa foi eleita em 2010 e Blairo foi empossado no início do ano seguinte. O mandato termina em 2019.

Nascido em Cuiabá, capital de Mato Grosso, Rodrigues Palma é advogado e professor, além de político. Foi prefeito de Cuiabá (1975/1979), deputado estadual (1982/1986), deputado federal constituinte eleito em 1986 e deputado federal por dois mandatos durante os anos 1990. Tem quatro filhos.

Rodrigues Palma prestou o compromisso regimental perante a Mesa. Em seguida, o senador Lindbergh Farias (PT-RJ), que presidia a sessão, declarou o colega empossado.

CARREIRA BRILHANTE

O senador Wellingtom Fagundes (PR-MT) destacou que Rodrigues Palma é formado em Direito pela Universidade Federal de Mato Grosso e foi professor na Escola Técnica Federal. No currículo político de Rodrigues Palma, constam mandatos de deputado estadual, deputado federal e de prefeito de Cuiabá.

Leia Também:  Juca surge muito bem em pesquisa para a ALMT

Wellington Fagundes afirmou que um dos feitos da gestão de Rodrigues Palma foi a pavimentação de 90% das ruas da capital mato-grossense. Também foram destaques a construção de áreas de lazer e do pronto-socorro de Cuiabá, afirmou o senador.

— Sem dúvida alguma, por tudo que fez, Rodrigues Palma é considerado até hoje um dos melhores prefeitos que Cuiabá já teve, principalmente na execução de obras e no planejamento — disse Wellington Fagundes.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

POLÍTICA

Emanuelzinho quer R$ 20 mil de Abílio por postagem com sua foto

Ex-vereador fez post nas redes sociais sobre sua pré-candidatura a deputado federal e tentou reviver a “rivalidade” com a família Pinheiro

Publicados

em

Jovem parlamentar não gostou do uso de sua imagem e acionou a Justiça. FOTO - Ednilson Aguiar/OLivre

O deputado federal Emanuelzinho (MDB-MT) já entrou na Justiça contra o ex-vereador de Cuiabá, Abílio Jacques Brunini Moumer, o “Abilinho” (PL), por um post do ex-membro da Câmara de Vereadores da capital, no Instagram, neste início de semana, que utiliza sua imagem.

De acordo com o processo, Emanuelzinho pede a retirada da publicação (que já foi feita), uma retratação pública de Abilinho, além do pagamento de uma indenização de R$ 20 mil. Em seu pedido, o deputado federal, que é filho do prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), aponta que Abilinho possui uma “rixa” com sua família.

O ex-vereador fazia oposição ao prefeito da capital e chegou a disputar o segundo turno das eleições de 2020, no entanto, acabou sendo derrotado por Pinheiro, que conseguiu se reeleger. “Tal imagem, retrata o autor em papel antagonista ao do réu, se valendo de uma rixa infundada que o réu possui com a família do autor e que demonstra o claro viés vexatório da aludida publicação, uma vez que incita o ódio por parte de seus correligionários para com a pessoa do autor”, diz o parlamentar no processo.

Leia Também:  Juca surge muito bem em pesquisa para a ALMT

No post discutido nos autos, Abilinho aparece na frente da imagem, ressaltando sua pré-candidatura a deputado federal, e Emanuelzinho em segundo plano, em uma tentativa de criar a mesma “rivalidade” que teve com o pai do deputado federal, em busca de atrair holofotes.

A montagem sugere que o parlamentar seria um “alvo” do ex-vereador. “A imagem está sendo exposta sem o consentimento do autor, que em momento algum autorizou este tipo de publicação veiculada pelo réu com caráter degradante e ridicularizante”, reclama o parlamentar no processo.

O caso está sob análise do 2º Juizado Especial Cível de Cuiabá, que ainda não proferiu uma decisão sobre o assunto. O post no Instagram já foi apagado por Abilinho, que a um seguidor esclareceu em novo post, agora sozinho na imagem, que “sua esposa tinha achado a imagem muita feia”.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍCIA

BRASIL E MUNDO

AGRO E ECONOMIA

FAMOSOS

MAIS LIDAS DA SEMANA