CUIABÁ

POLÍTICA

Thiago e Kalynka reúnem com estudantes e reitoria da Unemat por novo prédio em Rondonópolis

Publicados

POLÍTICA

O deputado estadual Thiago Silva recebeu em seu gabinete, nos últimos dias, a vereadora Kalynka Meirelles e uma comitiva de estudantes da Unemat em Rondonópolis, para tratar sobre a instalação da Universidade no novo prédio que está sendo construído na área do antigo aeroporto.

Com o objetivo de intermediar o diálogo, o deputado Thiago Silva prontamente realizou uma reunião virtual com a presença do Reitor Rodrigo Zanin e do Diretor Sérgio Santos da Unemat onde eles informaram que o novo prédio ainda está sob posse da Prefeitura que precisa concluir a rede de energia e hidráulica para realizar a entrega.

A Unemat irá fazer o investimento para compra de ar-condicionados e o deputado Thiago garantiu que, assim como já destinou mais de 2 milhões para abertura do curso de Direito e Jornalismo, também ajudará com emendas na parte da mobília.

“Precisamos somar esforços junto com o Governo do Estado e Prefeitura para que a nova sede da Unemat possa ser entregue para a sociedade ainda no primeiro semestre e esta reunião foi importante para esclarecer aos estudantes como realmente está o andamento dos trabalhos para que o sonho da entrega do novo prédio da Universidade possa concretizar”, disse o deputado Thiago Silva.

Leia Também:  Beijo gay em apresentação artística cria polêmica no interior de MT

A vereadora Kalynka indagou sobre como ocorreu a instalação da Unemat nas demais cidades do Estado e se prontificou a estar ajudando para que a entrega da nova sede ocorra o quanto antes.

De acordo com o relato dos alunos, é preciso que a Unemat tenha sede própria, pois hoje funciona junto com uma Escola Estadual, o que de certo forma atrapalha o estudo acadêmico dos estudantes. “Em razão de estarmos nas dependências de uma Escola Estadual no período da manhã, por diversas vezes toca o sino e acaba atrapalhando nossas aulas. Precisamos do novo prédio que trará independência e comodidade para toda a Unemat”, defendem.

Thiago Silva afirma que está a disposição da Prefeitura e Unemat para ajudar colocar o prédio para funcionar e atender os estudantes em um prédio próprio. O parlamentar acredita que com a mudança para o novo espaço será possível trazer mais cursos para a instituição nos próximos anos.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLÍTICA

VEJA aponta Bolsonaro 15 pontos à frente de Lula em MT

Segundo média de pesquisas publicadas, o atual mandatário crava 47,7% da preferência no estado e o ex-presidente petista surge com 32,6%.

Publicados

em

Em nenhum outro estado analisado o presidente tem o índice de aprovação popular mais alto que Mato Grosso. A diferença em relação a Lula, porém, é maior no Acre

Levantamento da empresa de consultoria Vector Research, publicado no site da revista Veja, nesta semana, confirma o atual presidente da República, Jair Bolsonaro (PL), absoluto em Mato Grosso.

O levantamento traçou um paralelo direto entre Bolsonaro e Lula (PT), seu principal adversário e com quem deve, de fato, disputar diretamente o maior cargo do país nas urnas, em 2022.

Os números confirmam a liderança bolsonaristas em Mato Grosso com 15 pontos percentuais de frente, com o atual mandatário cravando 47,7% da preferência e o ex-presidente petista surgindo com 32,6%.

Cenário geral

Embora em solo mato-grossense o índice de apoio bolsonarista seja o maior registrado, do ponto de vista de vantagem direta sobre Lula, ou seja, de diferença entre um e outro, o estado mais bolsonarista é o Acre.

Por lá, são mais de 18 pontos de frente do atual presidente. Enquanto Bolsonaro chega a ter 47,4% das intenções de voto, Lula surge com 29,1%.

Diferença similar ocorre, também, em Santa Catarina, onde Bolsonaro supera Lula por 45,1% a 29%. A liderança se mantém acima do patamar de 40% em Goiás, com 42,4% contra 32,1% do petista..

Leia Também:  Emanuel cobra que vereadores deem resposta ao povo no caso Paccola

O MAIS PETISTA

Do outro lado dos números, o Piauí é onde Lula (PT) tem a maior vantagem sobre Jair Bolsonaro (PL), com mais de 46 pontos de diferença.

O ex-presidente tem 64,2% de preferência entre os eleitores do estado nordestino, enquanto o presidente que busca a reeleição marca 17,3%.

Apanhado geral

O mapa da disputa presidencial nos estados foi montado pela Vector Research a partir de uma análise média com pesquisas de 15 institutos, realizadas entre os dias 6 de maio e 29 de junho em 24 estados (exceto Amapá e Rondônia) e no Distrito Federal.

A empresa preferiu restringir a análise à dupla de atuais líderes nas sondagens.

Veja abaixo os índices comparativos entre os principais candidatos à Presidência da República por estado:

 

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

POLÍCIA

BRASIL E MUNDO

AGRO E ECONOMIA

FAMOSOS

MAIS LIDAS DA SEMANA